quinta-feira, 14 de setembro de 2017

política à moda de albufeira

Este ano eleitoral é que vai ser uma festa! Tanta gente a concorrer contra a cadeira de pedra e cal do senhor Carlos Sousa. Nem ele esperava tantas facilidades dos amigos opositores...
O CDS/PP não vê mão de socorro, o PAN tem os irracionais para tratar, o PCP/CDU dá prova de vida, dizem os maldizentes que de meio morto/meio vivo (?!), o BE tem novo sopro de ventos de fora menos o de Levante que os verdadeiros albufeirenses conhecem bem, o PS faz ensaios de laboratório (resultado de lamber botas e encobrir)e o PSD já comprou os foguetes. O VIVA foi à vida e no horizonte vamos levar com um hipócrita sabido que já tem os foguetes preparados! Ninguém visualiza as perdas para Albufeira que dá força às estatísticas do INE de uma sazonalidade de 48%. Continuamos a ter seis meses para pagar contas de 12. O senhor Sousa procura trazer congressos da sua área política que vão em fins-de-semana para os hotéis e restaurantes dos pagadores de campanhas. Albufeira já não tem governo (possibilidades de ser recuperada)... dizem eles baixinho...

terça-feira, 12 de setembro de 2017

E lá vem a merda da burguesia urbana (vulgo BE) à procura do dinheiro dos votos!

Possivelmente um grupo excursionista e discordantes de mesa de café foi aliciado para propagandear o Bloco de Esquerda. Este partido de desagrupados e de gente sem orientação política, resolveu voltar à carga em Albufeira depois da ausência no último mandato e do golpe que desencadeou no seio do FORUM ALBUFEIRA para criar as condições que ditaram um mandato na assembleia municipal de que não se sabe o trabalho ou o paradeiro da figurante. Esta gente, que não se enxerga da sua ausência, e até da sua ignorância, não vamos dizer que veio a pedido do PS para o sonho de uma geringonça local, porque Ricardo Clemente sabe que tem de tirar o tirocínio de vereador!
O BE, nesta sua manobra, não consegue iludir que não tem organização e muito menos razão de confiança entre os albufeirenses!

FORUM ALBUFEIRA

domingo, 10 de setembro de 2017

Tribunal rejeita listas do VIVA!

Entre contentes e descontentes, o que vai dar ao mesmo, o que resta desta decisão é que se o Tribunal tem razões, porque razão uma causídica e líder do chamado movimento perde em matéria que deveria dominar? Ou será que o tribunal foi manipulado? O dito VIVA, que nasceu sem intervenção social e de opinião, cavalgando as ambições de Ana Vidigal as costas de ligações a muitos descuidados e apenas vozes dispersas de discordantes, vai ter de se explicar! Quanto ao seu trabalho sobre promessas, foi ao fundo com as cheias e com o favorecimento das decisões do PSD que serviu!

FORUM ALBUFEIRA

sábado, 9 de setembro de 2017

P"C"P pede votos para... poder negocial!

Bastaram dois anos de geringonça para o P"C"P mostrar que é um partido reformista do capitalismo e contra-revolucionário! Logo contra os operários e as camadas pobres do povo português! O seu líder parlamentar quer o povo a lutar pela subida miserável do miserável salário mínimo!

LA Setembro/2017

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Crónicas de Vasco Barreto:

O presidente Carlos Sousa que como administrador não vale a água que bebe, acabou por entregar o troço sul da Avenida Sá Carneiro aos financiadores do partido. Estes arrancaram os candeeiros de braço longo e colocaram candeeiros com bolinhas a dar luz direito ao céu para iluminar os anjinhos. Retiraram os candeeiros que davam luz e colocaram a Avenida na escuridão. Uma decisão irresponsável considerando esta Avenida mostrar alguma perigosidade na força do Verão. O presidente já foi alertado mas como não manda na Câmara, nada faz. Talvez algum dia apareçam alguns dissabores.

Vasco Barreto

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

A entrevista sobranceira de Carlos Sousa ao "Barlavento"!

Numa entrevista mansa da jornalista, aproveitando o dia do Município, Carlos Silva e Sousa não foi questionado sobre o que não fez dispondo de muito dinheiro como pôde exibir a sua natural arrogância de carácter. 
Abordando o que disse, começamos sobre uma das suas promessas, o combate à sazonalidade e à desolação do fecho de uma maioria dos estabelecimentos na zona histórica, diz que vai explorar o turismo sénior... o que pode garantir proveitos aos hotéis habituais dos amigos do poder... porque os outros sectores não se convencem...
Sobre as cheias e os muitos sofrimentos com os prejuízos... o problema, disse, está na organização do país /coisa que sabe de gingeira porque andou lá também como deputado) mas... apesar de tudo pagou horas extraordinárias para vasculhar as vidas dos que benévolamente procuraram o gabinete zero que o executivo encenou...
Sobre o futuro da cidade e do concelho, o que não fez também disse que vai fazer! As seitas organizadas de Albufeira receberam um sinal de fidelidade! O povo que espere!

FORUM ALBUFEIRA


terça-feira, 22 de agosto de 2017

A doutora VIVA não percebe o que é ramo verde e não ter força de carácter?

Albufeira é um mundo. Normalmente a lei termina na fronteira política (apenas esta) da cidade e não do concelho. O poder caiu no causídico que soube usar os idiotas populistas do próprio partido. Agora, sobrevivendo ao ciclo político onde o PS foi um grande aliado (não vale a pena falar da choraminguice do PCP) Carlos Silva e Sousa é o novo soba! Ana Vidigal, a advogada insaciável de poder que não enxerga a natural incompetência, que se chegou a tudo que desse votos apenas apoiada em promessas onde não tem voz e encarneirou pela serviência de origem política natural, viu negada a candidatura em local da área de serviço sem perceber que se confrontava com gente que manipula acima e tinha este momento planeado. Sem espaço político, tudo vai correr bem! o que está morto não mexe! O engraçado está na franja de arregimentados... com os umbigos inchados...

FORUM ALBUFEIRA

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Os donos do concelho agora têm os PANerícios! 

O povo é artificialmente chamado a propôr o que o município sabe que tem de fazer? Uma candidata do sistema e sem currículo de opiniões fala dos animais irracionais. Os racionais nunca arrancaram opiniões ou simples palavras de protesto. O orçamento participativo exaltou os que não pensam e não votam e estes têm uma voz! A candidata do PAN, que ganhou a proposta do orçamento participativo da novidade populista do PSD instalado. Será de novo o laboratório político a trabalhar caso a doutora VIVA tenha algum desvio? O doutor Sousa vive dias felizes sem obra mas, também sabe que não é de descurar outras estratégias! A outra cabeça da serpente pode rabiar, ainda que zero não dê mais que zero! O PS deixou Carlos Silva e Sousa governar em tranquilidade!

FORUM ALBUFEIRA

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Autárquicas 2017

Curiosidades:

A imprensa em geral não vê qualquer relevo na disputa eleitoral em Albufeira! Não conta para a disputa nacional entre os devoradores do PSD e do PS. Carlos Silva e Sousa nunca viveu momentos tão felizes mesmo sem ter obra.

Se o PS é um cadáver político, o que dizer da inundação publicitária do BE? Estes oportunistas não existem e exibem tanto dinheiro em cartazes?

O PCP/CDU já terá acabado a roleta de quem vai ser o cabeça de lista? Ninguém sabe! Se não falam, não existem!

Por falar em roletas, o presidente Carlos, cheio de dinheiro em banco, com Agosto a correr mandou pintar as linhas de estrada que dão nas vistas... o que também é porreiro, pá!

terça-feira, 8 de agosto de 2017

política à moda de albufeira

Até na estratégia de imagem o manhoso Carlos Silva e Sousa bate o aspirante Ricardo. O PS aposta numa cara sem expressão e o PSD afunda com três pesos pesados das maroscas da gestão. As máfias de Albufeira não se agitam e sentem que o mar bate calmo. Tudo está controlado e não querem mudanças que venham em discursos verdes e perigosos nas fragilidades. Carlos Silva e Sousa negoceia e promete no interior dos gabinetes a um público seleccionado. Desde sempre o seu público. Seguindo uma linha diferente do populismo desiderista, se, contudo afastou em definitivo o ignorante presidente de junta, não deixou de cavalgar o cargo de Desidério Silva, colocando-o como mandatário. Está a fechar um ciclo que lhe abriu as portas para o poder, levando consigo tudo o que de mau existe em Albufeira, sejam do PSD ou não... 

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Autárquicas 2017:

O presidente da Câmara, apesar de trazer muitos meses muitos milhões de euros em caixa, mandou procurar nos armazéns se havia baldes de tinta. Encontraram alguns e assim se iniciou um trabalho altamente selectivo de segurança para pintar passadeiras! O PS vai reagir, ao que não apurámos, com a promessa do dobro dos baldes! A doutora Vidigal, tal como o BE ainda não se pronunciaram. O caso é complicado! Quanto ao PCP, está ainda a discutir as últimas propostas da geringonça! Albufeira sempre pôde esperar!

FORUM ALBUFEIRA

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Autárquicas 2017:

O actual presidente que fez três mandatos na presidência da assembleia municipal, apesar de ser conhecedor de todos os problemas conjunturais da cidade e do concelho, não fez qualquer obra estratégica para um necessário reenquadramento da cidade no panorama futuro do Turismo. Vamos continuar no Sol e Praia.  
Carlos Silva e Sousa, que geriu um total de orçamentos perto dos 400 milhões de euros e fala de turismo de qualidade, nem na baixa da cidade pintou as passadeiras em zonas críticas de atravessamentos de peões ou reparou defeitos de calçadas que representam perigos de quedas.
Carlos Silva e Sousa nem no pensamento tem a necessidade urgente de executar a circular exterior à cidade de forma a torná-la mais fiável e segura no seu interior.
Carlos Silva e Sousa não é uma mais-valia para este concelho e continua a não gozar de simpatia entre os cidadãos.

FORUM ALBUFEIRA

sexta-feira, 14 de julho de 2017

política à moda de Albufeira

A podridão em Albufeira está ao nível do xufrismo! Ou até pior! O PSD tem a sua engrenagem levada ao pormenor. Estão em tudo e sabem tudo! Os olhos estão postos nas receitas e a funcionalidade do concelho em completo desprezo! Nunca houve oposição e essa veio das vozes dispersas de cidadãos! Um cidadão tem medo de se dirigir ao executivo! Uma carta não tem resposta ou vem com o vento. Uma queixa contra a Câmara morre por aí! Mesmo em pré-campanha este executivo está tão seguro da montagem que tem para a vitória eleitoral, repetindo a fórmula ainda a funcionar, do tal capacho VIVA, que até se atreve, depois de inundar a baixa com água e prejuízos que não cobriu e de que é responsável, que até persegue os comerciantes pelos centímetros de ocupação quando estes ainda tentam retomar o fôlego...
O que dizer desta política? Claro que quem não é do círculo do poder não tem sossego! Quem é que acredita que se vai "agir"?
 

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Texto publicado na edição de ontem no jornal "Barlavento":



Os incidentes de Albufeira prenunciam uma situação irreparável?

Já foi o tempo em que os turistas se sentiam em casa. Para se perceber os graves incidentes em Albufeira, é preciso reflectir sobre as políticas liberais seguidas por todos os executivos, apoiadas na indiferença de uma maioria esmagadora da população, numa grande Torre de Babel, que não tem raízes e cultura local. Se não há massa crítica, o campo fica limpo para o que se econde e nem se sonha...

O crescimento turístico e urbanístico mal planeado (sempre à procura de receitas de IMI e IMT) e o correspondente crescimento demográfico para solver as necessidades de oferta de serviços, trouxeram novos problemas de segurança a uma cidade que vive intensamente metade do ano e dorme na outra metade quase fantasma. Uma massa enorme de gente enfrenta a sazonalidade e as dificuldades financeiras, incluindo pequenos empresários. O Inverno traz os roubos e o turismo de risco aumenta no Verão, potenciados pelos factores alcool e as drogas, apoiados na agressividade de agentes de terreno que operam no vazio ou ineficácia da lei e do controlo policial.

Os incidentes recentes, invariavelmente na Av. Sá Carneiro (vulgo rua da Oura) onde as balas de borracha são o ingrediente novidade, os piores possívelmente poderão espreitar a entrada, não são uma ilha e as vontades de os resolver diluem-se em declarações vagas de que “a Câmara não tem que ver com os incidentes mas vamos reunir com as autoridades”. Um presidente de Câmara não pode ser tão vago, quando a sorte ainda não trouxe perdas físicas por movimentos descontrolados...

Incidentes sempre houve, mas a eventual conotação com gangs organizados a partir de fora obriga a níveis superiores de atenção e organização das respostas. Um governo camarário tem de se antecipar. A questão dos reforços policiais para o controlo do Verão, pelos vistos não se pode cingir só a efectivos, mas também a outras funções de gestão dos visitantes, se eles vêm organizados para desacatos e porquê.

Albufeira é uma cidade que vive exclusivamente do turismo, agora massificado e democratizado a um baixo nível... emprega dezenas de milhares que vendem a força de trabalho sem outros recursos ou capacidades mas, as autoridades locais insistem no seu velho modelo de muita conversa e pouco serviço. Habitação social é uma miragem, a estrutura educacional deficiente, o custo de vida é muito alto, a oferta de serviços é modesta a quase todos os níveis, criando desconforto estrutural e propiciando mentalidades de reacção que podem ter direcções permissivas e conflituosas...

Se juntarmos ao terreno movediço local as ambições de organizações ou indivíduos que não trocam a lei pelos lucros, outros de fora podem ser aliados destes factores de desorganização e explorá-los com as imagens que agora correm mundo sobre o que nasceu uma vila pacata de pescadores que encantou a Europa e uma parte do mundo. Neste momento, perante factos graves, e discordo de todos que lhe tirem a carga explosiva, a imagem que damos é de um pequeno farwest turístico, um modelo desestruturado onde parece que não há mão...


Luís Alexandre
Presidente da ACOSAL

   

quarta-feira, 5 de julho de 2017

política à moda de albufeira

O PS, mantendo a sua deriva depois dos desastres Xufre e Catuna, diz agora que vai agir! É o filho do ex-vereador Clemente que vai agir! Para agir é preciso saber! O que sabe o PS de Albufeira? Sabe tudo da acção do PSD sem agir. O PSD reinou e o PS assinou. Ricardo Clemente sabe de tudo o que foi assinado. Vai dizer que não assinou! Vai agir e será que sabe por onde agir se dentro e fora do seu partido não agiu? O PS deixou correr a pena para aumentar a desgraça de Albufeira. Dizer ao povo de Albufeira que vai agir... é reconhecer que de facto não agiu! Então explique-se primeiro ao povo porque não agiu para ter um mínimo de credibilidade! No fundo... a candidatura do PS é o reconhecimento da derrota!

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Albufeira continua um ringue! O álcool e as drogas mandam!
GostoMostrar mais reações
Comentar
Comentários
Luis Alexandre
Luis Alexandre ... acabei de ouvir Elidérico Viegas da AETHA e não tocou no essencial... falou de leis... só leis... e horários... dos bares... o resto são conversas...
GostoMostrar mais reações
· Responder · 7 min
Jorge Neto Mestre
Jorge Neto Mestre O Cheiro a cumplicidade é mais que muito.
GostoMostrar mais reações
· Responder · 7 min
Margarida Vedes
Margarida Vedes Mas isto não é um fenómeno novo é só mais frequente e mais violento.....
GostoMostrar mais reações
· Responder · 4 min
Eliminar
Marcelino da Ponte
Marcelino da Ponte Então os comerciantes não têm coragem de parar esse flagero, no meu tempo não era assim, reinava a alegria e simpatia.
GostoMostrar mais reações
· Responder · 3 min

sábado, 10 de junho de 2017

Texto publicado na última edição jornal "Barlavento":



Mercantilismo seduziu presidente de Câmara de Albufeira!

Numa acção de clara instrumentalização, uma conceituada marca de bebidas a nível mundial montou uma inteligente campanha publicitária que se serve do Turismo e dos viajantes para se promover. Convida a consumir e, em preferência, oferece aos sorteados viagens de quatro estrelas pelos muitos países eleitos espalhados pela Europa. Aliciante. Entre os muitos países de actividade Portugal não foi esquecido e, Albufeira foi o destino nacional escolhido, que se derreteu com as honras e escancarou o direito de tal marca, explicitando o nome, figurar no site oficial da Câmara. Para os distraídos, tudo parece um bem promocional de resultados colectivos, quando estamos perante uma cortina de negociações pouco claras...
Para esta marca são tostões de investimento mas, o espaço da fama está no uso de destinos turísticos, contando com a clara subserviência de autoridades locais que desrespeitam em estilo absurdo as suas competências de gestores públicos e se deveriam apresentar equidistantes de disputas comerciais. Um presidente e a entidade que dirige não deveriam estar publicamente com tal campanha, embora a marca tenha o direito de se promover, unicamente recorrendo às suas capacidades. Um presidente não pode ver esta montanha de brilho, provavelmente com parangonas de jornais e televisões, resplandecente como um presente de promoção do destino, porque circunstancial, ou estará a reconhecer que precisa de muletas com nome mundial em substituição do trabalho de casa? Marca de bebida já cá estava, até com sucesso, a CMA é que não tem o direito de a promover!
Os municípes de Albufeira esperam dos eleitos transparência política prometida e não o estender de passadeiras. Um presidente gere interesses públicos e não pode ter a arrogância de confundir o seu cargo com compromissos esclarecidamente publicitários, ainda que advenham migalhas para a cidade e o concelho. Amanhã outros podem arrogar-se das mesmas mordomias e o que fazer? Albufeira não é uma coutada privada e nem se deve mostrar ao país como um mau exemplo de exercício de poder.
No fundo, que razões justificaram um município deixar-se embaraçar? Não há quem pense se os resultados valem o que prometem? Como julgo que ninguém quantificou os malefícios e os benefícios, tudo é obra dos segredos dos gabinetes e resta a ideia de que estamos sobre mais uma decisão política que lesa o futuro da nossa imagem turística! Nada supõe que houve rodadas de discussão quando a bebida tem tudo para se impôr! Basta de jogos e de jogadores! Albufeira merece muito mais que meras campanhas e servidores.

Luís Alexandre
Presidente da ACOSAL


sexta-feira, 26 de maio de 2017

Albufeira todos os dias é notícia

A imprensa sabe que Albufeira é um poço de notícias! Ou se salva gatos ou lemos de mortes e assaltos. Os turistas, sem desprimor para os animais que ocupam as páginas de época baixa no turismo, são alvo de acções agressivas. Albufeira só pode ter turistas a mais porque a polícia não dá conta. A fama de bebedeiras e drogas deixa alguém deste palco em felicidade! As poucas centenas de verdadeiros albufeirenses não pensa assim! Matou-se um polo de cultura e montou-se um circo!

Forum Albufeira

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Eleições: não trazem nada de novo!

A política está adormecida, pior, está apodrecida em Albufeira. Temos dois candidatos confessos dos partidos que sempre mandaram (PSD e PS) e outra que vai voltar a tentar a sorte de charneira. O PCP continua desamparado, porque não existe. O BE não tem terreno de golpe para pisar, logo não existe. O CDS nem tem porta para bater e pato para grasnar. Albufeira é o charco odioso do banditismo organizado! A praia e o Sol vão matando a fome dos negócios, assente na maior degradação da qualidade de serviços assentes em novos escravos que não falam a língua e nem conhecem uma vírgula da nossa História! Na Câmara, os inchados da vasta coligação (senta-se o PSD vencedor, a doutora independente e um eleito PS convidado) nem dão conta da hipoteca a médio prazo. As guerras ajudam o Turismo regional, em particular o peso de Albufeira, cujos preços saíram artificialmente da miséria por problemas de outros mercados. Vive-se a mentira e nenhum candidato quer ouvir falar do assunto... porque não o percebem. Precisam apenas de votos para o poder. Albufeira pode esperar!

FORUM ALBUFEIRA

segunda-feira, 10 de abril de 2017

A caridade é um negócio no país e em Albufeira!

A AHSA tem um projecto para os "velhos" de Albufeira e não consegue os dinheiros públicos. Os centros de dia e de apoio aos idosos não têm de passar por filtros. Este filtro foi uma criação política quando o PSD não controlava a Santa Casa de Misericórdia de Albufeira. Os políticos fizeram a AHSA e controlaram-na desde a primeira hora. Agora o PSD não precisa de dois braços. Controla o mais antigo e remunerado sistema de votos e heranças, a Santa Casa. A Segurança Social, como organismo manipulado políticamente pela cor do poder, não vai em desperdícios. O centro de dia da AHSA deixou de ter data. Mas o cartaz publicitário privado e com preço mensal do seu anúncio tem anos! Saiu por nossa critica, voltou e dura há muitos meses. Quem pagará o que não é oferecido? Lá vai uma parte do dinheiro dos pobres... que são um negócio!

FORUM ALBUFEIRA